Continua depois da publicidade

Mãe e filho, que se reaproximavam após sete anos, são mortos por motorista embriagado e vídeo flagrou situação

A mãe e seu filho não resistiram após atropelamento. Eles estavam se reaproximando após sete anos longe.

O trágico acidente que resultou na morte de Natasha Caroline Souza Gomes, 25 anos, e seu filho Isaac Gomes Cavalcante, de 8, no sábado, dia 3 de fevereiro revela uma história de reconexão interrompida.

Mãe e filho, que estavam distantes por sete anos, haviam retomado o contato há aproximadamente um ano. “Estava se reaproximando da mãe, ela não morava aqui, morava na estrada de Porto Velho e passou sete anos afastada”, declarou, ao explicar a situação.

A informação foi compartilhada pelo pai de Isaac, Izaías Cavalcante, 26 anos, um açougueiro, para canais de comunicação, neste domingo, dia 4 de fevereiro.

O velório de mãe e filho está sendo realizado conjuntamente na em um Centro Espírita, no bairro Santa Maria, onde ocorreu o acidente. O enterro está programado para as 16h em um cemitério da localidade.

O fatal atropelamento ocorreu quando mãe e filho estavam em uma parada de ônibus e foram atingidos por um caminhão-baú conduzido por Florisvaldo Ribeiro dos Santos, de 49 anos.

Isaac faleceu no local, enquanto Natasha sucumbiu horas depois na emergência do Pronto-Socorro de Rio Branco. Um vídeo chegou a flagrar toda a situação e pode ser conferido aqui: VEJA O VÍDEO

O condutor, visivelmente embriagado, foi preso em flagrante após o teste do bafômetro apontar resultado positivo. Imagens de câmeras de segurança registraram o momento em que o caminhão, em alta velocidade, invadiu a contramão.

Mais detalhes foram expostos diante do ocorrido.

Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *