Continua depois da publicidade

Amigos próximos de Gal Costa ficam revoltados com detalhes do sepultamento da cantora

Neste mês de novembro recebamos a triste notícia do falecimento da grande cantora Gal Costa que já foi eleita a sétima maior voz da música brasileira pela revista Rolling Stone Brasil. A cantora faleceu na cidade de São Paulo.

Continua depois da publicidade

Em seus 57 anos de carreira, Gal Costa acumulou grandes sucessos musicais tais como “Meu bem, meu mal”, “pérola Negra” e “Chuva de Prata”.

Passados 15 dias desde seu falecimento, amigos da cantora expressaram sua revolta com a decisão tomada pela companheira de Gal Costa, Wilma Petrillo.

Paulinho Lima, que era o empresário da cantora foi um dos que se revoltou com a decisão da viúva de Gal Costa em sepulta-la na cidade de São Paulo.

Continua depois da publicidade

De acordo com o empresário, a cantora havia comprado um jazigo no cemitério São João Batista, na cidade do Rio de Janeiro, onde seria enterrada ao lado de sua mãe e outros grandes artistas do cenário nacional. 

O empresário lembrou que no cemitério São João Batista estão sepultados nomes como Carmem Miranda, Cazuza, Ary Barroso, Dorival Caymmi, Vinicius de Moraes dentre outros.

Em publicação nas redes sociais, o ex-empresário afirmou que a despedida de Gal Costa não foi digna e que a vontade da cantora não foi respeitada.

“Não é justo que seja sepultada num jazigo que não é seu”, escreve o empresário.

Veja abaixo a publicação feita pelo empresário:

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Paulinho Lima (@lima.paulinholima)

Além de Paulinho Lima, Lúcia Veríssimo, que namorou Gal Costa e esteve no velório, também se manifestou sobre a mesma situação

Continua depois da publicidade
Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *