Continua depois da publicidade

Criança de 2 anos fica em coma após ser baleada na cabeça; irmã de 5 anos fez o disparo acidental













Crianças são filhas de PM.



Uma criança de apenas 2 anos de idade foi baleada dentro de casa, após a própria irmã efetuar o disparo. O caso aconteceu no município de Rolim de Moura, Rondônia. O menino foi socorrido e levado à UPA local, mas foi transferido.

De acordo com as informações, o pai das crianças e policial militar e a arma pertenceria ao agente de segurança pública. Após dar entrada na UPA, o menino foi encaminhado ao Hospital de Urgência e Emergência Regional (Heuro), em Cacoal.

Segundo o registro da ocorrência, as duas crianças estavam sob observação do pai. A arma do PM foi deixada sobre o balcão, a criança de 5 anos conseguiu alcança-la e acabou disparando.

Ainda segundo as informações, o menino de 2 anos de idade continua internado e seu estado de saúde não foi detalhado. O menino estava em coma desde a última atualização.

O menino, ainda segundo as informações disponíveis, continua internada e precisou passar por uma cirurgia. Não foram esclarecidos os resultados da cirurgia, mas o menino segue internado.

O caso ganhou repercussão na imprensa, mas a identidade do policial militar não foi informado. Também não houve um pronunciamento oficial feito pela polícia militar.

Até o momento não foram divulgadas informações novas sobre o caso. Novas atualizações sobre o estado de saúde da criança podem ser revelados em breve, mas até o momento não foram divulgadas novas informações. A identidade do PM não foi informada também.








Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *