Continua depois da publicidade

Jovem de 19 anos é preso suspeito de tirar a vida do próprio filho, um bebê de quatro messes; polícia dá detalhes da triste ocorrência

O caso segue sob investigação.

Na última sexta-feira (2), agentes de segurança detiveram um indivíduo de 19 anos preventivamente, sob a suspeita de ter cometido o homicídio de seu próprio filho, um bebê de 4 meses.

O caso ocorreu na cidade Lagoa Santa, localizada na Região Metropolitana de Belo Horizonte, capital do estado de Minas Gerais. Apesar de alegar que o bebê teria se engasgado com leite, exames revelaram lesões que indicaram a ocorrência de violência.

Segundo informações da Polícia Civil, em 28 de janeiro, o suspeito foi formalmente acusado em flagrante por homicídio culposo, caracterizado pela ausência de intenção de matar.

Na narrativa fornecida aos investigadores, ele relatou que alimentou o filho com mamadeira no quarto do bebê e, posteriormente, dirigiu-se à sala para mexer no celular.

O indivíduo relatou que, inadvertidamente, cochilou e, ao recobrar a consciência, deparou-se com seu filho sem sinais vitais. Ao procurar assistência médica, ele afirmou que o bebê teria se engasgado com leite.

Entretanto, o laudo emitido pelo Instituto Médico-Legal (IML) identificou lesões externas na cabeça e um hematoma agudo. Essas constatações levantam questionamentos sobre a versão apresentada pelo pai e indicam a necessidade de uma análise mais aprofundada sobre as circunstâncias do ocorrido.

O bebê apresentou um traumatismo contuso, o qual, de acordo com informações da Polícia Civil, indica o uso de um objeto contundente, caracterizado por ter pontas ou lâminas capazes de causar ferimentos.

Portanto, a hipótese de engasgamento com leite foi descartada pelas autoridades, conforme ressaltado pelo delegado Flávio Teymeny. O caso segue sob investigação.

Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *