Continua depois da publicidade

Mais um grave acidente envolvendo um ônibus deixa 29 passageiros feridos na Bahia; cinco estão estado grave

Ônibus que saiu do Distrito Federal sofreu acidente na BR-430 na Bahia

Uma série de acidentes assolou as estradas da Bahia, deixando marcas profundas de tragédia e luto para famílias e passageiros.

Duas ocorrências chocantes ocorreram em um intervalo de três dias, manchando as rodovias BR-324 e BR-430 com derramamento de vidas e ferimentos.

No primeiro episódio, uma colisão terrível entre um ônibus de turismo e um caminhão desencadeou uma catástrofe na BR-324, em São José do Jacuípe. O resultado foi avassalador: 24 perderam a vida nesta terrível colisão entro do ônibus, 21 estava no ônibus e 3 no caminhão.

Entre os destroços, famílias inteiras foram dilaceradas, com crianças, adolescentes e adultos vitimados, deixando um rastro de dor e perda. Flávia Carneiro, uma das sobreviventes, perdeu múltiplos entes queridos, incluindo sua filha, mãe, namorado, padrasto e prima.

Poucos dias após esta tragédia, o estado testemunhou um segundo incidente na BR-430, próximo a Caetité. Um ônibus com 66 passageiros, vindo do Distrito Federal e com destino a Igaporã, tombou abruptamente, deixando um saldo de 29 feridos, sendo cinco deles em estado grave.

Os socorristas do SAMU prontamente prestaram assistência aos feridos, encaminhando 24 pessoas com ferimentos leves para a Unidade de Pronto Atendimento de Caetité e os cinco casos graves no Hospital Geral de Guanambi (HGG). Os demais ocupantes foram acomodados em um hotel pela empresa responsável pelo veículo.

A causa desses acidentes permanece um enigma, levantando dúvidas sobre a segurança nas estradas e deixando as autoridades em alerta máximo. Enquanto isso, famílias enlutadas enfrentam uma árdua jornada de lidar com a perda repentina de entes queridos, enquanto o estado se une em solidariedade diante dessas tragédias incompreensíveis.

Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *