Continua depois da publicidade

Médico tem a vida tirada de forma trágica no RJ; ele lutou para sobreviver e ‘estava vivendo sua melhor fase’

O médico perdeu a vida de forma trágica no Rio de Janeiro. Mais detalhes foram expostos diante do artigo que conta com maiores informações.

A cidade de Volta Redonda está abalada com a trágica morte do médico Érick Alves Pinto de Albuquerque Dias, de 37 anos, ocorrida na manhã de quarta-feira, dia 31 de janeiro.

Érick foi esfaqueado na segunda-feira, dia 29 de janeiro, pelo atual companheiro de sua ex-mulher, de 32 anos, enquanto tentava buscar o filho com o homem. O médico, conhecido como “Pingo”, foi atingido no peito, resultando em ferimentos graves no coração.

Mesmo socorrido em estado crítico após o ataque, Érick não resistiu aos ferimentos e faleceu em uma unidade de saúde da localidade, onde havia passado por diversas cirurgias

A vítima era filho da ex-secretária de Saúde de Volta Redonda, Suely Pinto, que atualmente coordena o programa de Saúde Mental da cidade.

O acusado do crime foi preso em flagrante ao procurar uma delegacia, alegando ter sido agredido pelo médico. Entretanto, durante o depoimento, contradições foram percebidas pelos agentes do núcleo de homicídios da delegacia.

Ao localizarem a ex-esposa de Érick, ela confirmou que o agressor tentou golpeá-lo com uma faca, resultando no ferimento fatal. Ela não informou se a relação entre os dois já tinha problemas.

O crime ocorreu no período da manhã, por volta de 7h10, e a faca utilizada foi apreendida. O acusado está sob custódia no sistema penitenciário, aguardando as decisões judiciais.

“Dr. Erick estava na melhor fase dele… meus sentimentos aos familiares”, lamentou uma enfermeira, nas redes sociais.

A comunidade local lamenta a perda do médico e aguarda por desdobramentos na investigação do trágico incidente. Mais informações devem ser divulgadas em breve.

Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *