Continua depois da publicidade

Quem era João Gustavo, o jovem de 17 anos, que morreu ao ser arrastado por correnteza em SC

Adolescente foi arrastado em meio às fortes chuvas que atingiram a região no final de semana.

No domingo, dia 28 de janeiro, um temporal devastador atingiu São Pedro de Alcântara, na Grande Florianópolis, resultando em uma tragédia que abalou a comunidade.

João Gustavo Barbosa Cândido, um estudante de 17 anos da Escola Estadual Gama Rosa, perdeu a vida após ser arrastado pela correnteza. O jovem desapareceu durante as fortes chuvas que castigaram a região.

Ele teria tentado se segurar em galhos, mas infelizmente, submergiu. O Corpo de Bombeiros só conseguiu localizar seu corpo na madrugada desta segunda, dia 29 de janeiro.

O bairro Santa Teresa, em São Pedro de Alcântara, foi duramente atingido, com casas alagadas e pelo menos oito famílias isoladas devido ao aumento do nível do rio.

A Escola Estadual Gama Rosa, onde João cursava o terceiro ano, expressou seu pesar em uma nota oficial de luto. Nas redes sociais, colegas do adolescente também compartilharam mensagens de tristeza e homenagens.

O impacto das chuvas não se limitou a São Pedro de Alcântara. Em São José, na mesma região, o Centro Educacional Santa Ana, no bairro Colônia Santana, também foi afetado, evidenciando a amplitude dos estragos causados pelo temporal.

O governador Jorginho Mello (PL) manifestou seu pesar pela morte de João Gustavo, acrescentando que o momento exige solidariedade e apoio às famílias afetadas.

As autoridades locais estão mobilizadas para prestar assistência às comunidades atingidas, enquanto a população se une para superar os desafios impostos por essa triste situação climática.

Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *