Continua depois da publicidade

Cidade gasta R$1,3 milhão em show de Gusttavo Lima durante estado de emergência

Gasto milionário foi exposto por jornal.

A cidade de Campo Alegre de Lourdes, na Bahia, esta no centro de uma polêmica após a divulgação de um contrato milionário com o sertanejo Gusttavo Lima, no valor de R$1,3 milhão.

O contrato é referente a um show a ser realizado no próximo dia 9 de fevereiro, quando a cidade comemora o feriado de Nossa Senhora de Lourdes. As informações são do jornal O Globo.

O problema, além do valor elevado do contrato, é que a cidade esta atualmente em estado de emergencial causado pela estiagem que vem castigando a região pelos últimos meses.

O estado de emergência foi declarado em setembro do ano passado, com validade de 180 dias. Dessa forma, o município permanece em estado de emergência até o mês de março de 2024.

Quando uma cidade declara estado de emergência, um dos principais recursos que se tornam disponíveis é a possibilidade de pedir por recursos emergenciais, ou seja, valores além do que era previsto.

Ainda de acordo com o O Globo, o show foi contratado sem licitação e assinado pelo prefeito prefeito Enilson Marcelo Rodrigues da Silva (PCdoB). Chama ainda a atenção outro ponto.

De acordo com levantamento do portal, o valor total de investimento em cultura previsto pela prefeitura é de 413 mil. Ou seja, o valor gasto com o show é mais de três vezes maior que todo o valor investido em cultura pelo município no ano.

Ainda segundo o portal, o valor de R$1,1 milhão é apenas em cachê ao artista. Já os outros R$200 mil seriam gastos em transporte da equipe e equipamentos. O valor teria sido parcelado em 5 vezes.

Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *