Continua depois da publicidade

Mulher perde a vida de maneira terrível ao negar se casar com amigo de infância que realizou mudança de gênero por causa dela

O caso segue sob investigação.

Este caso ganhou uma enorme repercussão e ganhou destaque nos principais portais de notícias de todo mundo. Um amor platônico, que nunca foi correspondido poder ter sido a motivação para a concretização de um crime hediondo.

Uma mulher foi vítima de um ataque em que foi queimada viva por um amigo transgênero, que a perseguia desde a infância e havia passado por uma mudança de sexo com o objetivo de propor casamento.

R. Nandhini, de 25 anos, rejeitou a proposta de casamento devido ao seu envolvimento emocional com outra pessoa que faz parte do quadro profissional de sua empresa de tecnologia da informação em Thoraipakkam, Chennai (Índia).

A rejeição de Nandhini não foi aceita por Vetrimaran, que passou por uma transição de gênero, de mulher para homem. Ele convidou Nandhini para um passeio de moto na véspera de Natal, onde a vendeu com a promessa de um presente surpresa, utilizando uma venda nos olhos.

A surpresa revelou-se terrível. A vítima foi aprisionada com correntes em seus membros, em um terreno vago. Apesar dos apelos desesperados de Nandhini por sua libertação, ela acabou sendo apunhalada.

Posteriormente, Vetrimaran despejou querosene sobre Nandhini e iniciou um incêndio antes de evadir-se, conforme relatado à polícia.

O agressor chegou a transportar a vítima para um hospital nas proximidades, porém, ela não sobreviveu às queimaduras que abrangeram grande parte do corpo.

Somente após o óbito é que ele confessou sua ação. O caso é chocante e tem deixado milhares de pessoas perplexas em todo o mundo.

Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *